viernes, 12 de enero de 2018

Falecimento Acadêmico AHIMTB PROF. AIMONE CAMARDELLA 1922 – 11 jan 2018

Falecimento Acadêmico AHIMTB PROF. AIMONE CAMARDELLA 1922 – 11 jan 2018:

Palavras Senhor Vice-Presidente de Casa da FEB -RJ-Brasil; Académcio de Número AHIMTB,Prof. Eng.Dom Israel Blajberg:PROF. AIMONE CAMARDELLA 
1922 – 11 jan 2018

Legando à Escola Politécnica da UFRJ e à Engenharia NAcional uma longa história de vida dedicada à engenharia, à cultura e ao desenvolvimento nacional, faleceu em 11 de janeiro de 2018 no Rio de Janeiro, aos 97 anos e 03 meses, o engenheiro civil, nuclear e de segurança do trabalho e doutor em física, antigo professor de inumeras gerações da Escola Nacional de Engenharia por 39 anos, um dos mais antigos professores da atual Escola Politécnica da UFRJ, hoje na Cidade Universitária da Ilha do Fundão

Aimone representou o Brasil na Conferência da ONU sobre Meio Ambiente em Estocolmo, em 1972, e foi diretor do Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e Qualidade Industrial (Inmetro). Na área cultural, foi Presidente do Instituto Sanmartiniano do Brasil, membro da ALAC - Academia de Letras Artes e Ciências, vinculada ao Lions Internacional, Academia Brasileira de Literatura e Academia Luso Brasileira de Letras, tendo publicado 12 livros.
Tinha atuação de destaque junto às entidades de classe, como o Clube de Engenharia, a Associação dos Antigos Alunos da Politécnica (A3P), Instituto de Engenharia Legal, Sociedade Brasileira de Geografia, entre outras.
Era um dos grandes batalhadores para que o tradicional prédio da antiga Escola Nacional de Engenharia da Universidade do Brasil, fosse novamente dedicado à Engenharia Nacional, como o sitio onde em 1811 D. João VI mandou instalar a Academia Real Militar, a ser dirigida pelo Brig NAPION, berço fardado da qual descendem a atual Escola Politécnica e a AMAN.  A exemplo de tantos outros estudantes da ENE, Aimone foi aluno do CPOR, da turma de ENG / 1945

Foi Presidente por várias gestões do Conselho Diretor da A3P, fundada em1932, a mais antiga associação de ex-alunos da UFRJ, instalada logo a entrada do prédio, onde a estatueta do estudante de engenharia expedicionário recorda os 10 alunos desta casa que atravessaram os mares para combater o nazismo com a FEB na Itália.

Como reconhecimento ao seu empenho para a preservação da memória do prédio histórico do Largo da Cruz de São Francisco, o professor Aimone Camardella foi empossado como 1º ocupante da Cadeira Especial Professor Paulo José Pardal da Academia de História Militar Terrestre do Brasil, em sessão solene de 7 de dezembro de 2011, no Salão Nobre da Congregação da antiga Escola Polytechnica, no Largo de São Francisco,

Muito devemos ao Professor Aimone, cultivando as gloriosas tradições da nossa escola, dedicado ao trabalho de preservação da memória, ajudando a manter viva e perene esta saga, tanto contribuindo  para a historia da engenharia no Brasil, que se confunde com a historia daquele antigo prédio de estilo sóbrio e  elegante, inicialmente projetado para abrigar uma catedral, com suas colunas e florões, que se ergue diante do Largo da Cruz de São Francisco.

O Ilustre Professor Aimone Camardella partiu, ele que viveu encantado pela mística da bi-centenária Alma Mater da Eng Brasileira, verdadeiro templo do saber, pelo qual tanto lutou visando sua transformação em uma casa de cultura voltada para a memória da tecnologia nacional

A melhor homenagem que lhe poderemos prestar será manter desfraldada sua bandeira em
defesa da antiga Escola, à qual tanto se dedicou.  Que seja recebido pelo Eterno às portas do Jardim do Eden,  juntando-se às Legiões Celestes Politécnicas, e que a sua alma se incorpore à corrente da Vida Eterna




Israel Blajberg

ENE-68 / Eletrônica


Falecimento Acadêmico AHIMTB PROF. AIMONE CAMARDELLA 1922 – 11 jan 2018:

Palavras Senhor Vice-Presidente de Casa da FEB -RJ-Brasil; Académcio de Número AHIMTB,Prof. Eng.Dom Israel Blajberg:PROF. AIMONE CAMARDELLA 
1922 – 11 jan 2018

Legando à Escola Politécnica da UFRJ e à Engenharia NAcional uma longa história de vida dedicada à engenharia, à cultura e ao desenvolvimento nacional, faleceu em 11 de janeiro de 2018 no Rio de Janeiro, aos 97 anos e 03 meses, o engenheiro civil, nuclear e de segurança do trabalho e doutor em física, antigo professor de inumeras gerações da Escola Nacional de Engenharia por 39 anos, um dos mais antigos professores da atual Escola Politécnica da UFRJ, hoje na Cidade Universitária da Ilha do Fundão

Aimone representou o Brasil na Conferência da ONU sobre Meio Ambiente em Estocolmo, em 1972, e foi diretor do Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e Qualidade Industrial (Inmetro). Na área cultural, foi Presidente do Instituto Sanmartiniano do Brasil, membro da ALAC - Academia de Letras Artes e Ciências, vinculada ao Lions Internacional, Academia Brasileira de Literatura e Academia Luso Brasileira de Letras, tendo publicado 12 livros.
Tinha atuação de destaque junto às entidades de classe, como o Clube de Engenharia, a Associação dos Antigos Alunos da Politécnica (A3P), Instituto de Engenharia Legal, Sociedade Brasileira de Geografia, entre outras.
Era um dos grandes batalhadores para que o tradicional prédio da antiga Escola Nacional de Engenharia da Universidade do Brasil, fosse novamente dedicado à Engenharia Nacional, como o sitio onde em 1811 D. João VI mandou instalar a Academia Real Militar, a ser dirigida pelo Brig NAPION, berço fardado da qual descendem a atual Escola Politécnica e a AMAN.  A exemplo de tantos outros estudantes da ENE, Aimone foi aluno do CPOR, da turma de ENG / 1945

Foi Presidente por várias gestões do Conselho Diretor da A3P, fundada em1932, a mais antiga associação de ex-alunos da UFRJ, instalada logo a entrada do prédio, onde a estatueta do estudante de engenharia expedicionário recorda os 10 alunos desta casa que atravessaram os mares para combater o nazismo com a FEB na Itália.

Como reconhecimento ao seu empenho para a preservação da memória do prédio histórico do Largo da Cruz de São Francisco, o professor Aimone Camardella foi empossado como 1º ocupante da Cadeira Especial Professor Paulo José Pardal da Academia de História Militar Terrestre do Brasil, em sessão solene de 7 de dezembro de 2011, no Salão Nobre da Congregação da antiga Escola Polytechnica, no Largo de São Francisco,

Muito devemos ao Professor Aimone, cultivando as gloriosas tradições da nossa escola, dedicado ao trabalho de preservação da memória, ajudando a manter viva e perene esta saga, tanto contribuindo  para a historia da engenharia no Brasil, que se confunde com a historia daquele antigo prédio de estilo sóbrio e  elegante, inicialmente projetado para abrigar uma catedral, com suas colunas e florões, que se ergue diante do Largo da Cruz de São Francisco.

O Ilustre Professor Aimone Camardella partiu, ele que viveu encantado pela mística da bi-centenária Alma Mater da Eng Brasileira, verdadeiro templo do saber, pelo qual tanto lutou visando sua transformação em uma casa de cultura voltada para a memória da tecnologia nacional

A melhor homenagem que lhe poderemos prestar será manter desfraldada sua bandeira em
defesa da antiga Escola, à qual tanto se dedicou.  Que seja recebido pelo Eterno às portas do Jardim do Eden,  juntando-se às Legiões Celestes Politécnicas, e que a sua alma se incorpore à corrente da Vida Eterna




Israel Blajberg

ENE-68 / Eletrônica

                               


Foto 

Foto
 

                               


Foto

Foto


martes, 26 de diciembre de 2017

Bandera de Cisplatina

Primera Bandera de la Banda Oriental  ( hoy República Oriental del Uruguay ).

Provincia de Cisplatina.


Período Portugués.

sábado, 23 de diciembre de 2017

Bandera Nacional del Paraguay.

Bandera Nacional del Paraguay.



Bandera Nacional del Paraguay; unica Bandera en el mundo;  con Escudo Nacional en su parte frontal,  y con la bella imagen del león en su parte posterior  !!!





viernes, 22 de diciembre de 2017

Pedro de Araujo Lima " Marques de Olinda

22 de diciembre de 1793 ,  aniversario del nacimiento del que fuera el Marques de Olinda.


Blasón del Marques de Olinda .

lunes, 18 de diciembre de 2017

Bienvenido a la Argentina S.E. Embajador Julio César Vera Caceres.

Esta Academia, le dá públicamente la Bienvenida, al flamante y nuevo Embajador del Paraguay en la Argentina, S.E. Ing . Don Julio César Vera Cáceres !!!